GravatarMotos Blog » Yamaha

Yamaha XJ6 N 2012 – a 4 cilindros mais barata do Brasil


A Yamaha lançou aqui no Brasil a XJ6 em 2010. Chegou sem fazer tanto alarde, como uma quase-substituta da FZ6N, mas com uma proposta bem diferente, e preço mais camarada, tem conquistado a garagem de muita gente.

Yamaha XJ6 N 2012 Preta

Yamaha XJ6 N 2012 Preta



Lançada lá fora em 2008 com o nome de XJ6 Diversion (veja o post da época aqui), a XJ6 é uma Moto com motor de 4 cilindros bem comportado, projetada principalmente para uso urbano. O motor, apesar de ter 600cc e 4 cilindros em linha, desenvolve apenas 77 cavalos, o que é bem pouco para um motor com esta engenharia. Em compensação, a entrega de torque é privilegiada e por isso ela responde muito bem em baixa e média rotação. Por isso é uma moto bem versátil, que pode ser usada tanto para no dia-a-dia, quanto para viagens.

Esportivamente, a moto não possui muitos atributos. O quadro de aço tubular não é rígido suficiente para uma tocada mais agressiva, e se torce em casos extremos. Os pneus 160 e o conjunto de freios certamente não foram pensados para isso. Apesar disso, a moto entrega muita diversão a quem procura uma moto com o ronco dos 4 cilindros, mais potência do que o habitual, e um pouco de economia para o uso diário.

Yamaha XJ6 N 2012 Vermelha

Yamaha XJ6 N 2012 Vermelha

Com visual atraente e moderno, a XJ6 N ainda conta com painel eletrônico com conta-giros de analógico e demais instrumentos digitais. A posição de pilotagem é confortável, e o banco do garupa está acima da média para este tipo de moto.

Painel da Yamaha XJ6 N 2012

Painel da Yamaha XJ6 N 2012

Yamaha XJ6 N 2012 na pista

Yamaha XJ6 N 2012 na pista

Em 2012, nada mudou na moto, exceto os grafismos. Mas o que mais chama a atenção na XJ6 é o preço: Custando apenas R$ 27 mil, a XJ6 certamente é uma opção interessante. Mais barata do que qualquer outra 4 cilindros, e com preço bem parecido com o da Kawasaki ER-6n, bicilíndrica que obviamente deixa de ser tão atraente para quem quer mais ronco do que qualquer outra coisa.

Ficha técnica

Motor
Tipo 4 tempos, 4 cilindros em linha, 16 válvulas, DOHC, refrigerado a líquido e cárter úmido.
Cilindrada 600cc
Diâmetro x Curso 65,5 x 44,5 mm
Taxa de compressão 12,2:1
Potência máxima 77,5 cv @ 10.000 RPM
Torque máximo 6,09 kgf.m @ 8.500 RPM
Marcha Lenta 1.350 RPM +/- 100
Capacidade de óleo 3,4 litros
Combustível
Alimentação Injeção Eletrônica
Tanque de combustível 17,3 litros
Eletrônica
Ignição ECU/CDI
Partida Elétrica
Bateria 12V 10Ah selada
Farois 12V 55/60W H4
Transmissão
Embreagem Multi-discos banhada a óleo com acionamento mecânico.
Câmbio Manual sequencial de 6 marchas
Transmissão final Por corrente com o-ring
Quadro
Tipo Berço duplo em alumínio
Dimensões
Comprimento 2.120 mm
Largura 770 mm
Altura 1.185 mm
Distância mínima do solo 140 mm
Distância entre eixos 1.440 mm
Caster 26º
Altura do assento 785 mm
Peso seco 196 kg
Peso em ordem de marcha 215 kg
Suspensão
Dianteira Garfo telescópico hidráulico, curso de 130 mm.
Traseira Braço oscilante monoamortecido com amortecedor com ajuste de pré-carga da mola, curso de 130 mm.
Roda dianteira De liga leve de 17 polegadas
Roda traseira De liga leve de 17 polegadas
Pneu dianteiro 120/70 17 M/C 58W (sem câmara)
Pneu traseiro 160/60 17 M/C (sem câmara)
Freio dianteiro Dois discos flutuantes e ventilados, de 298 mm, mordido por pinças de 2 pistões cada, 4 no total.
Freio traseiro Disco único ventilado, de 245 mm, mordido por pinça de 1 pistão.
Preço sugerido (2012) R$ 27.000,00
Cores (2012) Vermelha ou Preta

Mais fotos

Compartilhe este texto!


Digite o seu nome e e-mail abaixo e saiba quando o Motos Blog é atualizado! Receba as últimas notícias diretamente no seu e-mail! É GRÁTIS!

Seu nome
Seu E-mail

62 comentários

  1. Felipe Luiz Ramos disse:

    Você criticou o motor por ter “apenas” 77cv mas não levou em consideração a sua origem. Seu motor já entregou 133cv na Yamaha YZR R6, ou seja, o motor tem essa baixa potência não por culpa da engenharia ou por que não tem capacidade para isso, ou seja, essa potência é proposital para se enquadrar no mercado como moto 600cc de quatro cilindros de entrada com preço baixo, torque em baixa, manutenção mais baixa e fácil condução!

    • Daniel Ribeiro disse:

      Sim, o motor foi modificado para ser menos potente e mais economico… Mas isso não quer dizer que basta prepará-lo para que ele volte a ser um motor de R6… A maioria das peças são diferentes, e muitas são incompatíveis. É um novo motor, mais barato, mais manso… Atende 100% da proposta da moto.

      • Felipe Luiz Ramos disse:

        Mecânicos e preparadores garantem que o motor é o mesmo da Fazer 600, mas com comando de válvulas mais manso, por exemplo. Logo, o motor da Fazer é o mesmo da R6. Já confirmei isso com mecânicos da Yamaha.

        Ou seja, a base é da R6, contudo, estamos falando do mesmo motor. Como falei, o comando de válvulas é diferente, assim como alguns componentes que você citou, mas são apenas alguns componentes.

      • gabriel disse:

        fala galera, tenho uma duvida a respeito da xj6n. meu pai comprou uma agora e eu nao tenho muita experiência com motos grandes. queria saber se o motor dela eh tao quente assim mesmo? tenho que pilota – la sem encostar os joelhos para nao me queimar.
        vlw, abraçao a todos !

        • Daniel Ribeiro disse:

          Cara, a moto esquenta normal, como qualquer outra… Temperatura externa normal do motor é em torno de 70 graus.

          Só que você não tem que encostar nele! Se está encostando, então você está mal posicionado na moto.

          • gabriel disse:

            entendi, obrigado. eh, com o tempo eu vo pegando o jeito.
            nao sei se tem haver, mas como ela ainda esta amaciando o temperatura fica em torno de uns 100 graus.

            vlw obrigado de novo pela resposta.

            abraços

          • Daniel Ribeiro disse:

            A temperatura do fluido do radiador (aquela que aparece no painel) fica sempre entre 95 e 105 graus…
            Mas eu estou falando da temperatura externa, ou seja, a de fora do motor… Se você encostar um termômetro no motor, vai ver que a temperatura dele é mais baixa.

            Ainda assim, não é para ficar encostando no motor… Tenta se posicionar de forma a ficar mais afastado… E procura usar roupas de proteção. Além de te proteger em caso de queda, também ajuda a isolar o calor do motor.

            T+

        • daniel gama disse:

          Bom dia Gabriel! não sou expert em motos, piloto sempre uma Bomba lead, fui pilotar uma xj6 f com carenagem, tive medo de cair, mas aos poucos, fui criando afinidade com a moto, fiquei impressionado o qto e fácil de guiar, parece que estou pilotando uma fazer 250, devido a facilidade de condução. xj6 n melhor para cidade ( esterça melhor,6 kg mais leve, comercialmente melhor) xj6 f ( melhor na estrada, mais estabilidade em altas velocidades) Um abraço , Daniel Gama.

      • Claudio disse:

        Pensei que o motor da R6 fosse crossplane como o da R1, porque o da XJ6 com certeza não é, porque o barulho é o mesmo dos 4 cilindros convencionais, como o da Rórnet.

      • jose candido filho disse:

        A xj6 ta de bom tamanho para o bolso do trabalhador

    • Roger disse:

      Concordo,acho a XJ6 a 600cc naked mais inteligente no momento,muita gente não sabe que esse motor foi da R6 devidamente amansado,mas a alma é de um poderoso 4 em linha,assim como o ronco.

    • rafael disse:

      olá amigos!

      estou indeciso em comprar uma moto! fiquei com uma Rórnet 2011 de um amigo andei bastante e me apaixonei!!! tanto que quis uma pra mim… estive ontem na concessionaria (16/05/2012) mas me assustei com o preço do seguro!!! um absurdo… então cogitei uma xj6 n. nunca andei mas com certeza vcs sabem melhor dela do que eu… alguém poderia me dar um opinião sobre esta moto? obrigado!!

  2. Eder disse:

    Ola!!! Ribeiro, fico pensando, porque J.Toledo, não pratica o preço da Bandit 650N, por volta dos R$ 25.000,00? Porque o projeto da Bandit já se pagou a tempo e venderia mais com certeza, veja agora que eles reduziram o valor da 1250, pra zerar o estoque e lançar a nova 2012. Acho qeu o ideal era a Bandit valer uns R$ 25.000,00 e a 1250 uns R$ 30.000,00, ai a Suzuki aumentaria sua participação no mercado. Quanto a Yamaha, acho muito valida esta moto com 77 cvs, e acho que a Sra.Bomba, marca bobeira em não lançar aqui uma CEBÊF 600, com motor manso (civilizado) ao invés da Rórnet, como ela tem la fora. Muito sucessso a todos os amigos motociclistas desta Brasil, tão desigual.

    • Daniel Ribeiro disse:

      Eder, olha, não sei se chega a preço tão baixo… Mas a Bandit já tem um preço bem justo na minha opinião. A 650 naked por 28 e a 1250 naked por 31… Acho que são preços bem bacanas para elas.

      A Bomba realmente abandonou o segmento de 15 a 30 mil reais… Há um buraco enorme entre a Xis ÉrreE300 e a Transalp, ou entre a CEBÊ300 e a Rórnet. Uma trail mono de 450cc por R$ 20 mil e uma Street bicilindrica por uns 23 mil iriam muito bem agora. A Street a Bomba já tem.

      Mas ainda assim temos que admitir: A Bomba é hoje a marca que oferece o maior número de modelos.. Tem para todos os gostos… Infelizmente, não para todos os bolsos.

      T+

  3. Marcos disse:

    Sonho meu… Quanto tempo o mercado de usadas demora para reagir a queda de preço da 0km? Tem muita oferta de modelo 2010, mas os preços estão fora da realidade. Se a 0Km esta por 27 mil reais uma 2010 devia estar na faixa dos 20 a 21 mil reais não é?

  4. Thyago disse:

    Eu concordo com vc daniel. Uma moto linda, mas um pouquinho a mais de cavalos nao faria mal pra ninguem rsrs
    A ho rnet tem 102cv e 6,53kgf.m de torque, e tá custando R$30.800,00 entao sei la…as duas tem suas particularidades e sao lindas motos. Mas com relação à custo de manutenção a xj6 realmente é mais barata?

    • Felipe Luiz Ramos disse:

      Se a Rórnet não custar 5 mil reais a mais que a XJ6 é pq ela está em promoção. Quando não está em promoção ela custa de 5 a 6 mil reais a mais que a XJ6.

      Mais “cavalinhos” tiraria ela da proposta de 600cc de “entrada”.

    • edmar pereira disse:

      amigo a honet600f custa serca de 36mil,nao 30mil,como vc diz,blz.

  5. francisco disse:

    Gostei muito lindona! Ficarei em dúvida quanto ela e Er-6n. Mas no fim pegaria essa.

  6. Eder disse:

    E verdade Daniel, você tem razão, abraços!!!

  7. Tarcísio Araújo disse:

    Isso significa que a xt 660 vai custar seus REAIS R$ 22.000 – 24.000 ?

    • Daniel Ribeiro disse:

      Tarcísio, a XT já deu uma baixada forte… Tá por 25 mil Zero km. Antes custava 28.

      • Leonardo disse:

        hein Daniel…

        aqui em Curitiba as concessionárias ainda não abaixaram!

        estão vendendo ela por 27.800

        por que será? só ano que vem então?

        • Daniel Ribeiro disse:

          Parece que Curitiba é o reino das motos caras. No post da Rórnet estão reclamando a mesma coisa, que ai em Curitiba as concessionárias estão cobrando preços bem acima dos de São Paulo.

          A dica que dou é: Venha comprar aqui em São Paulo, e mande a moto por transportadora para Curitiba… O frete não deve ficar nem 500 reais.

          • Leonardo disse:

            pois é…

            tem um conhecido meu aqui em Curitiba

            que foi buscar uma GS650 da BMW lá em Porto Alegre

            3 mil quase de diferença no valor da Zero Km

            eu tô me preparando pra trocar de moto no inicio do

            próximo ano e pretendo ficar antenado em tudo rsrsrs

            como será que funciona o financiamento no caso que vc

            sugeriu? eu emplaco ela ai em Sampa ou pelo Detran daqui?

          • Daniel Ribeiro disse:

            Emplaca ai em Curitiba.
            Você retira a moto, leva ela em uma pickup ou contrata uma transportadora para levar a moto até ai… E então emplaca.

            Financiamento funciona igual… os mesmos documentos são exigidos. Você negocia por telefone, manda os dados por e-mail. Eles vão mandar o contrato por sedex, você assina e devolve junto com as copias dos documentos por sedex também… e no dia combinado, é só retirar a moto.

            Mas cuidado hein… compre de CONCESSIONÁRIAS… Não compre direto de vendedores independentes, pois pode ser golpe. Pegue os telefones das concessionárias no site do fabricante e ligue para eles.

            T+

  8. Marcos silva disse:

    Pois é amigos, tenho vontade de comprar uma moto por 20k reais, mas no mercado não tem nada novo nesse patamar, uma 400cc com uma boa tecnologia seria interessante.

    • Felipe Luiz Ramos disse:

      Pois é, infelizmente as montadoras não se esforçam porque querem forçar o consumidor a comprar motos de maior valor agregado, como as 600cc, por exemplo, tendo uma margem de lucro maior.

      A Kawasaki já lançou as 400cc dois cilindros no Japão, uma naked e uma carenada.

      Bem que a Bomba, como todo nome e força que tem aqui, poderia puxar o mercado pra essa cilindrada, ao invés dessas “300″cc fake. Acho que ela é a que tem mais condições para isso.

      A Yamaha, para abocanhar uma fatia maior de mercado e recuperar-se perante a Bomba, poderia dar esse passo importante, lançando uma 400cc dois cilindros com valor em torno de R$19.000,00

    • Tarcísio Araújo disse:

      Olá Marcos, a Kasinski tem a 650cc Bicilindra por R$ 21.000,00. Acredito que seja o melhor custo benefício na categoria…

      • João R disse:

        Caro Tarcísio,
        NãO tenha dúvida que a Kasinski GT650 por 19-21mil é a melhor opção custo vs beneficio de 600cc que atualmente tem no Brasil (e ja vou destacando seu motor, BIcilindrico com excelente retomada acima de “6,2kgfm e 77CVs ReaiSSSS”, susp invertida, garantia de 3 anos e peso abaixo dos 200kgs!!!).

        Mas acontece que é melhor não se enganar e entender os motivos das escolhas e abuso de alguns fabricantes. No Brasil, justamente pelo nosso histórico, monopolio “disk-arado” e falta de opções no mercado até 2008 (mais uma vez, temos que agradecer a KAWA e BMW), uma boa parte do povo se joga numa tetra só pelo fato de acreditar que a moto fazendo barulhinho agudo da até sensação de correr mais rápido que nem assistindo corrida de F1 na TV!!!
        mas…………. a XJ ja começa no papel declarando 6,1kgfm e 77CV (na roda serão bem menos), susp normal, chassi de aço, Pneu T160, 200kg peso em seco… enfim nada fora do padrão normal para uma “naked económica” desse tipo (quer dizer a naked media que a Yamaha realmente tem para concorrer no mercado mundial é a FZ8, que ainda é uma lenda furada-importada por aqui e penso que continuar sendo em 2012).

        Após varias experiências e comparativos pilotando, viajando, lendo e aprendendo junto com outros colegas, sugiro a gente levar em consideração a seguinte formula entre as diferentes propostas de motores: Motor BIcilindrico com desempenho de 70CVs equivale a motor Tetra com 20% a mais de potência (80-85CVs aprox). 80% da vida útil de um motor encontra-se no uso diario e especialmente retomadas e… a condição da resposta dos motores BI (torque ?) é normalmente um 15-20% superior em baixo-medio giro a uma tetra de capacidade (cc) similar. Somente em breves momentos (retas) a moto é levada em alta rotação (momento a onde os 2 motores, tanto 600cc BI quanto 600cc TETRA por exemplo, pegam 200km/h, sómente com uma leve diferença na vibração do conjunto, mas nunca pela falta de resposta nem falta de força, pelo menos por parte da BI).

        Resumindo a ópera… Significa isso que a XJ6 moto é ruim ? Claro que não (e com isso, pode ficar claro que gosto é gosto e quem quiser comprar, com certeza não irá comprar um produto de qualidade duvidosa, tudo o contrario). Porem, é para refletir se vale a pena aceitar que uma moto que está custando 16mil no mercado mundial e venha no Brasil (montada em Manaus, CKD, isenta de cargas por importação) custando acima dos 28mil!!! aliás, engolindo essa jogada de “A naked que veio para substituir a FZ6″!!! (isso para quem ja curtiu uma tetra acima de 90CVs, e especialmente vindo da mesma marca… é de dar dó gente).
        Na mesma faxa de capacidade de motor (CC) prefiro a KAWA ER-6N e considerando a faxa de valores… a GT650 da Kasinski (mas enfim, é uma opinião pessoal). Podem acreditar para quem gosta de estilo Naked: após a quinta saida de FDS com SoL para se jogar deitado nas curvas com os colegas… você só quer retomada para sair com força e grana sobrando no seu bolso para garantir as manutenções, almoços com a namorada e bom… ainda que tá sobrando alguma grana resolver a compra de roupa e proteções de melhor qualidade (Dainese, Alpine, Revit, etc…).

        Abçs e juizo na estrada…

        • Felipe Luiz Ramos disse:

          A sua colocação é muito válida, mas na prática esses números da Kasinski não funcionam. Em todos os testes/comparações em todas as revistas ela teve a pior aceleração, a pior retomada, a pior velocidade final e o pior consumo.

          Ou seja, ainda deve no nome e na qualidade. Logo, esse suposto custo x benefício vai por água abaixo quando o cara começa a usá-la e quando começa a estragar – mais cedo que Bomba, Kawasaki e Yamaha, diga-se de passagem.

          Em se tratando de custo x benefício, a Kawasaki ER6-n é a melhor entre as DOIS cilindros e a Yamaha XJ6 N é a melhor entre as QUATRO cilindros.

          • João R disse:

            Caro Felipe,
            Grato pelos seus comentarios…
            Referente aos modelos destacados (XJ6N Vs. Comet GT650N), favor teria como colocar um breve resumo sobre os seguintes valores obtidos com cada moto ?

            - Aceleração
            - Retomada (Torque declarado e real)
            - Velocidade final (mesma coisa, Potência teórica e na roda)
            - Consumos

            Abçs e juizo na estrada…

  9. Betao disse:

    Essa estaria na minha lista se eu gostasse de street. Eh muito interessante, principalmente porque brasileiro ainda não aprendeu desvincular cilindrada de esportividade e nao esta acostumado com belas motos acima de 250cc projetadas para uso urbano (ateh mesmo porque o cu$to lisarB não deixa). Ela eh uma ótima moto para uso urbano e ateh algo mais, não seria a ideal para encher de malas e pegar 2.000km de estradas. Semi-carenada eh show.

  10. Fernando disse:

    Daniel, gostaria de saber como está o mercado da XJ6 em SP. Sou de Goiânia e por aqui a moto ainda não tem o nome respeitado. As concessionárias vendem no valor mínimo de 29.500, ja encontrei até de 31 e uma usada 2010 está na faixa de 24, bem diferente do que acontece com a Rórnet.

    Abraços

    Fernando

  11. Felipe Luiz Ramos disse:

    João R, consigo os dados sim. Tenho que procurar as revistas em casa, mas assim que eu achar, eu posto os resultados aqui!

    • João R disse:

      Caro Felipe,
      Tranquilo, assim que você poder.
      Na verdade, qualquer informação que for repassadas dos comentarios da galera, revistas, comparativos e opiniões, sempre é bemvinda para para os usuarios e consumidores.

      O motivo dos valores questionados é simples, mas acho importante “aos olhos” de nossos amigos e leitores:
      - Muitas vezes, uma pequena diferença de potência (Exemplo: 71CV Vs 74CV), nem é suficiente para justificar diferenças de valores tão grandes (20mil Vs 30mil)
      - Muitas vezes, o uso que inicialmente foi pensado em fazer com a moto, finalmente acabou sendo bem diferente (mais curvas, mais retas, mais viagens, mais encontros, dia-dia, FDS, garupa, Serra, Circuito, etc…).

      Se bem, nem tudo mundo tem acesso a orçamento maiores, é lógico pensar que nem tudo mundo faz o mesmo uso da moto (dia-dia, FDS, viagens, garupa, serra-curvas, encontros, circuito, etc…). O importante é que a galera curta o blog e fique informada de tudo quanto é opção e possibilidades no nosso mercado para uma futura compra.

      Abçs e bom fim de semana…

  12. Gustavo disse:

    Já andei nas duas (XJ6 e FZ6), e não acho nenhuma delas adequada para andar no trânsito, ainda mais pra mim que sou pequeno e leve, tenho que fazer muita força pra segurar e manobrar essas motos!!

    Acabei pegando a FZ6 por ser mais leve, mais moderna e mais potente, apesar de eu admitir que acho a Xj6 mais bonita…

    Mas acho que a XJ6 não substitui nunca a FZ6, e nem é párea para Rórnet… (eu sei que é mais barata, mas acho que quem paga 27 na Xj, paga 30 na Rórnet…)

    Agora essa Kasinski naked 650 deve ser legal hein… alguém já andou numa dessa???

    • richardhbig disse:

      Aqui em Ctba a XJ6 sai por 27.500,- e a Rórnet 34.900,- Por essa diferença eu acabei indo na Yamaha … Bomba que abra os olhos, com esse ágio praticado pelos seus concessionários, isso queima legal a marca !

  13. samuel passos brito disse:

    Essa é meu sonho de cosumo!!!é meu número banco com 785mm.
    Já andei nela e gostei,eo melhor camelo das 600cc carenada,me refiro
    ao consumo que faz diferença em viagem como fiz a Belém do Pará.
    Minha trezentinha bebeu 126Lts em 30150 km,por isso na próxima vou de xjf.

    Parabéns Daniel pelo post!!!!

  14. Roger disse:

    João R e Felipe:

    A Yamaha é mais honesta quando o assunto é potência declarada,quando medida na roda ela fica muito próxima da medida no motor. Enquanto outras marcas declaram 15% acima (com a desculpa de medirem no motor).

  15. Luciano Prado disse:

    Daniel tudo bem?
    Estou em uma coperativa com a flay Ama concecionaria da YAMAHA de Araras sp em um contrato de R$30.000 Mil Reais,para compra duma xj6n.Com direito de 1ano de seguro gratis.
    Tenho que pagar sem juros nem um (77 parcelas,de R$272,00 Reais mês)que é = R$21.000 Mil Reais faltando R$9.000,00 Mil Reais para os R$30.000 Mil ou seja se eu estiver com todas as parcelas pagas em dias, quando eu for comtemplado eu tenho direto de pegar minha xj6n, mas tenho que pagar a entrada de R$9.000 mil reais entendeu
    ou seja 77 parc.* 272,00= 21.000 + 9.000= 30.000 com 1ano de seguro.
    estou a pagar desde janeiro de 2011 no proximo ano com serteza vou pegar minha xj6n com 77cv de prazer em dirigir uma 4 cilindros em linha
    nao vejo a hora.A YAMAHA pega moto de menor valor como entrada nos R$9.000
    oque vcs me diz deste plano da yamaha. ela te oferece uma moto linda economica com parcelas acessivel a qualquer bolço.
    Abraço a todos motoqueiros do noso Brasil…

    • Daniel Ribeiro disse:

      Luciano, eu nunca ouvi falar desse contrato.
      Sei que o Consórcio Nacional Yamaha, o valor é 60x de R$ 608,43… Valor bem mais alto do que esse que você falou.

      Nunca ouvi falar de nenhum tipo de contrato de financiamento sem juros por um prazo tão longo. O máximo que ouvi falar é de 24 meses, e isso apenas para 50% do valor da moto. 77 meses e quase menos que 30% do valor da moto é bem difícil de acreditar.
      É bom você ficar de olho para ter certeza de que este negócio é quente, pois eu não sei não… está com cara de ser golpe.

      Boa sorte!

  16. Caio Cezar disse:

    Gente… Eu tenho uma comet GTR 250! Estou com a moto a mais de 1 ano e a moto é muito boa… É minha primeira moto! só que chegou em um momento que a moto não me atende mais… Falo isso em termos de “respostas” na aceleração.. Depois dos 100khm fica muito lento pra subir a velocidade, isso é algo que não ajuda em ultrapassagens na BR. E um fator que está me fazendo desistir da moto é a pilotagem esportiva, apesar de já estar acostumado com esse tipo de pilotagem mas como uso a moto no dia-dia para trabalho e facul se torna muito desgastante…. Estou optando por uma 4cilindros e estou em duvidas entre a Rórnet ou a xj6, tudo indica que vai ser a naked não vou nem na CEBÊF nem a XJ6F, quero ver como é a ciclistica naked no dia-dia, o fator vento não me preocupa pq não faço viagens com moto, só cidade mesmo! AGORA VEM A DUVIDA: Galera minha cidade faz muito calor tem dias que chega a 40 graus… e tem muito semaforo, um cada 60m praticamente! rsrsrs… Sei que essas motos de 4caneco esquenta muito! queria uma ajuda para essa duvida… pelo fato de esquentar muito, é melhor eu ir de Rórnet ou xj6 ?? quem já andou nas duas e pode falar quanto a temperatura??? Ou melhor: devo ir de carenada?? pq assim o calor não vai chegar as pernas… to nesse dilema por conta do CALOR do motor.. Me ajudemmmmm

  17. Ricardo disse:

    A moto é muito linda!!!!!!!!

  18. joao disse:

    http://www.moto.com.br/anunciosv2/anuncio/moto_yamaha_xj6_n-438521.html

    to vendendo a minha!! otima moto! 25mil a vista moto com 5mil km

  19. joao batita ferreira disse:

    gostei muito das caracteristicas da xj6, boa resposta, sou motoqueiro desde a época da yamaha rd 200 com pardida eletrica no ano 1973, tinha apenas 12 anos, hoje tenho 51 anos e motoquiro ate hoje, abç. valeeeu.

  20. ANDERSON disse:

    Boa noite senhores!

    Estou com uma grande dúvida na compra de uma entre duas motocicletas. Qual dessas é mais vantajosa se pensarmos em custo beneficio

    Kawazaki ER-6n 2012 ou XJ6 N 2012?

    Um abraço a todos

  21. leuryn disse:

    essa moto e fina d+ vo ter que comprar uma.

  22. rafael Prado disse:

    eu estava em duvida entre uma Rórnet e uma xj6! acabei optando pela Rórnet!!! mas gostaria de dar um conselho aos interessados, á moto é incrivel um ronco muito gostoso e acelera forte, o problema que estou sentindo e realmente está me preocupando é que vc não passa desapercebido com a Rórnet, pra mim isso é ruim! por todo lugar que se passa as pessoas olham, no transito qdo vc vê uma moto com garupa já da um certo frio na barriga!
    sinceramente não sei se está compensando… não consigo andar de boa na cidade com esta moto!!! pensem nisso caros colegas! talvez seja a hora de realmente pensar em opções tão boas qto a Rórnet mas que de menos hibope!

    abraço e boa sorte a todos.

  23. felipe disse:

    comprei a minha xj6n 2012 no dia 04/06/2012.
    Estou muito satisfeito.
    Obs:aqui na minha cidade a xj6 custa R$28.000,00
    e a Rórnet custa R$36.000,00 sem abs.

  24. Juan Carlos disse:

    Ola queria saber quanto tempo leva para a minha xj6n chegar pois fui contemplado a 2 semanas a traz e ainda nd to muito ansioso para chegar logo mas até agora nd =/

    • joao batista disse:

      caro juan, quando comprei minha moto ,foi a vista! eu evei cerca de 30dias para pegar minha moto,sabe porque? e que ela vem de manaus e o caminhao nao sai so com algumas motos! a carreta so sai cheia e dependendo da distancia que vc esta de manaus a demora e maior pois a carreta vem entragado de acordo com os municipios! ok? espero ter te ajudado. boa sorte…. to muito feliz com a minha moto,ja rodei em 8 meses 10230km….espetáculo de moto.

  25. Ronaldo disse:

    Daniel bom dia !!

    Tenho uma dúvida, minha XJ6N 2012/2012 comprei com apenas 940km ja foi feita a primeira revisão pelo antigo proprietário , minha moto quando ligo e ela está fria faz um barulho estranho que pareçe ser valvula, depois que esquenta um pouco o barulho desapareçe .
    Essa é minha segunda XJ em 2010 comprei uma mas vendi no inicio de 2011 e não lembro se ela fazia esse barulho ..

    Isso é normal ??

    1 abraço

    • Daniel Ribeiro disse:

      Amigo, dificil dizer se eh normal ou nao. Melhor voce levar a moto em uma concessionaria e perguntar a um mecanico. So se ouvir ele ja vai saber.

      Boa sorte!

  26. Observadordepirata disse:

    “Apenas” 27 mil reais, foi uma licensa poética do nobre jornalista. Tá cara demais. Lá fora custa pouco mais da metade do preço! Esse Brasil não tem jeito!

  27. Everton disse:

    Recentemente troquei minha Fazer 2011 por uma 2013 mas apesar de ser perfeita eu quero uma mais forte…estou louco pela XJ6 desde que a vi em 2010. Como rodo uns 800km por mês eu tenho medo de trabalhar para sustentar a moto… Sou chato: sigo o manual e levo sempre a moto nas revisões na CC. Já pedi opinião lá e dizem que a XJ e barato de manter pois as revisões são mais espaçadas que a Fazer… Será que alguém que tem uma pode dizer em média o valor e o quanto dura as peças de desgaste natural? (pneu,relação,pastilhas). Obrigado

  28. disse:

    A realidade é uma só, os preços são absurdos porque vende.
    XJ6n não era pra passar de 20 mil se este país fosse mais justo, mas enquanto vender, eles nunca vão abaixar o preço.
    Estou na er-6n e já estou achando caro, vou pegar e´a mais barata que é a comet, apesar de não gostar de 2 cilindros em V e da fabricante.
    É boicote mesmo!

  29. Ball disse:

    Bom..comprei a minha XJ6 pois sou apaixonado pelos diapasões e olha….a moto é fantastica….motor igual das antigas….duas motos…uma em baixa e outra em alta….quem está em dúvida…Manda bala que é excelente negocio…

  30. Eloisa disse:

    É o meu sonho, alem de ter uma potência incrível, ela é super atraente e tem um bom preço.
    Estou apaixonada por ela.

  31. Alexandre disse:

    Olá pessoal.
    Só uma dica….instalei uma bolha Puig na minha XJ6N e ficou show…É outra moto ,..muito mais prazeroza de dirigir..Apesar de cara, indico a instalação…
    Abraços.



  32. Comente este texto!

    ATENÇÃO: Todos os comentários são revisados antes de entrar no ar. Antes de escrever, pense: "Se eu fosse o dono deste blog, eu aprovaria este comentário?". Propagandas serão apagadas. Caso queira anunciar no Motos Blog, clique aqui. Veja a nossa política de comentários. Pedidos de manuais não serão atendidos.

    Você pode usar estas tags:
    <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

    Este blog suporta Gravatars. Para ter a sua foto nos comentários, cadastre-se no Gravatar.