Depois do furto, o que sobrou

Dia 14 do mês passado, eu contei aqui no blog sobre o furto da minha moto, obtive a solidariedade de muitos leitores e fico muito agradecido por isso. Confesso que a Moto nos faz muita falta, pois ela era nossa principal diversão. Mas esse negócio do furto serviu para abrir os nossos olhos (meu e da Luana) e nos fazer enxergar a vida de uma forma diferente.

Quando a moto foi roubada, a nossa maior vontade era de comprar outra imediatamente, para mostrar ao mundo que somos melhores que os ladrões que nos levaram, mas o calor da situação estava distorcendo completamente a nossa realidade, então por bem decidimos não tomar nenhuma decisão precipitada.

Avaliando a nossa situação, chegamos a conclusão de que comprar outra moto seria o mesmo que pedir para o ladrão nos tomar a moto novamente. Moramos em uma casa num lugar perigoso de Osasco, sem muita segurança e com vizinhos demasiadamente preocupados com a nossa vida. Para piorar, a casa é alugada, o que certamente nos fez refletir ainda mais em simplesmente sair dali.

Depois de muito pensar, decidimos então comprar um apartamento em um condomínio fechado, em uma boa região, e assim fizemos. Compramos na planta, então ainda não vamos mudar, mas logo-logo teremos um lugar seguro, para ai sim, ter uma moto legal sem medo de perde-la para um bandido.

Chega uma hora em que temos que ser maduros para decidir pelo que é melhor e não pelo que é mais prazeroso, mas é o tipo de decisão que muda o nosso futuro. Melhor comprar um imóvel, assim o ladrão não leva. Certamente ficaremos um bom tempo sem uma moto maior, por enquanto vamos ficar de Yes 125 mesmo, mas estamos encarando isso com otimismo, uma fase de construção do alicerce das nossas vidas, para no futuro poder aproveitar a vida sem preocupações maiores.

Também vamos colocar um alarme na casa atual, para tentar coibir um pouco a ação dos bandidos. Não sobrou muito para eles levarem, mas de qualquer forma ainda vamos passar algum tempo lá, então é bom não deixar as coisas tão fáceis para eles.

Compartilhe!