BMW Rider Training Off-road

A quase 1 mês atrás, dia 29 de Outubro de 2011, eu fui conferir novamente o curso de pilotagem da BMW, o BMW Rider Training, mas desta vez na modalidade Off-road.

O convite foi novamente da Pirelli, mas desta vez, apenas eu aqui do Motos Blog e o Rodrigo Cambiaghi do Papo de Homem fomos representantes de blogs da Internet, sendo os outros 2 convidados funcionários da própria Pirelli.

O curso off-road é realizado na Fazenda Cascata, em Votorantim, a 97 km de São Paulo. O acesso é feito por uma estrada de terra. GPS é um grande aliado na hora de achar o local. Lá é um local tranquilo, muito amplo, com toda a infra-estrutura necessária para o curso e para eventuais emergências. A ambulância que fica o tempo todo acompanhando o curso é 4×4. Nunca tinha visto uma ambulância assim. Hehehe.

A versão Off-road do curso não tem a parte teórica, então depois de um belo café da manhã, vamos direto para a “pista”!

Motos do curso

As motos são fornecidas pela própria BMW, são as mesmas do curso on-road, porém com os pneus Metzeler Karoo 2 T, que são próprios para terra. A princípio é difícil de acreditar como motos tão grandes conseguiriam fazer as peripécias que o curso propõe, mas ao longo do dia vamos percebendo que é tudo uma questão de técnica, e que do jeito certo é possível fazer qualquer coisa com as motos.

Pneu Metzeler Karoo 2

Os exercícios iniciais se parecem muito com os do curso On-road, mas é muito mais difícil de executar devido ao terreno irregular e a velocidade mais reduzida. São exercícios de equilíbrio, sempre de pé na Moto, temos que forçar situações, como pilotar com apenas uma mão, ou com os pés sobre o banco. Ajudam a ganhar confiança na moto. Depois fizemos um pouco de Slalom longo e curto.

Todas as atividades durante todo o dia são executadas EM PÉ sobre as pedaleiras da moto. É cansativo, mas não é o pior. O pior é aguentar o uso constante da embreagem. A mão esquerda no final do dia está praticamente inoperante. Eles avisam antes que o curso é cansativo e que uma boa noite de sono é importante, e é bom não subestimar este conselho. Eu subestimei, fui dormir tarde no dia anterior, e isso acabou comigo durante o dia.

Slalom Off-road

E os exercícios continuam. Aprendemos como frear a moto na terra, como subir pequenos e médios obstáculos, e como descer barrancos muito íngremes. Depois destes exercícios, hora do almoço, que é bem bacana também. Com um bom tempo para descanso. E depois, mais exercícios, dessa vez, ainda mais desafiadores.

Começamos fazendo um exercício que consiste em passar sobre dois segmentos de costelas, que são pequenas elevações em sequência. Parece fácil, mas não é. Depois os obstáculos começam a ficar cada vez mais altos, mais íngremes e mais difíceis.

Por último, um exercício que consiste transformar a moto em um Jet Ski: Atravessar um pequeno lago, com água na altura do motor. Eu deixei para ir por último, e ainda bem, pois eu derrubei a moto na água e ela ficou inoperante. Foi complicadíssimo tirar a moto de lá.

Preparei um pequeno vídeo sobre o dia. Vale a pena dar uma olhada.

Gostei bastante do curso. Essa versão Off-road realmente ensina MUITO sobre pilotagem. Eu não fazia ideia que era preciso tanta técnica para pilotar na terra. Se soubesse disso quando fomos para Extrema, certamente teria passado menos apuro.

Quero agradecer imensamente a Pirelli e a Media Contracts, que me convidaram para estes dois cursos (On e Off-road). Realmente são cursos fantásticos, que eu recomendo para quem quer realmente aprender a andar de moto.

Agradecimentos também ao Maurício Fernandes e ao Sérgio, instrutores do curso, pela paciência.

E se você quiser saber mais informações sobre o curso, entre em contato com a Agencia Griffe pelo e-mail bmwridertraining@agenciagriffe.com.br ou telefones (11) 4191-1341 / 2176-5100.

Compartilhe!