GravatarMotos Blog » BMW, Destaques, Kawasaki, Suzuki, Yamaha

Comparativo das Big-trails 2012


As Motos Big-trail nunca foram as mais populares entre as motos de grande cilindrada, mas ultimamente é a categoria que mais tem crescido em número de vendas e de opções disponíveis. Descubra porquê a seguir.

Nunca tivemos tantas opções de motos big-trail disponíveis. As big-trails estão caindo no gosto dos Brasileiros! Alguns motivos para isso incluem o conforto para viagens, a capacidade de uso off-road e o preço médio do seguro, geralmente mais baixo do que o das motos Street e Sport.

Neste comparativo, vou colocar motos de R$ 25.500 a R$ 42.800, que é justamente a faixa de valor das motos mais procuradas. Em um post futuro falarei das Maxi-trails.

Yamaha XT660R

Yamaha XT660R 2012

Yamaha XT660R 2012


A XT660R já é consagrada como uma Moto versátil e resistente. Com perfil mais off-road, a XT não decepciona nas trilhas e na cidade é uma moto incrivelmente ágil. O motor monocilíndrico de 48 cv não é o mais potente, mas responde muito rápido ao acelerador e consegue levar a moto a velocidades superiores a 170 km/h.

Contra a XT660R, estão o elevadíssimo preço do seguro, o tanque de combustível de apenas 15 litros, e o fato de ser a mais espartana de todas as motos do comparativo, já que não tem nem mesmo um marcador de combustível ou conta-giros.

De qualquer forma, ainda é uma boa opção, já que seu valor, depois de revisado pela Yamaha, caiu para R$ 25.500,00 – a moto mais barata deste comparativo.

Yamaha XT660Z Ténéré

Yamaha XT660Z Ténéré

Yamaha XT660Z Ténéré


A XT660Z Ténéré chegou recentemente, dias antes do Salão Duas Rodas. É uma big-trail consagrada lá fora, e que carrega o nome Ténéré, sinônimo de robustez e esportividade. A moto tem o mesmo motor monocilíndrico de 48cv refrigerado a água da XT660R, mas possui um conjunto mais voltado para viagens mais longas e para uso off-road mais intenso, tipo rally. A carenagem frontal, o para-brisa, e tanque maior são ideais para isso.

Painel da Yamaha XT660R Ténéré

Painel da Yamaha XT660R Ténéré

Contra a Ténéré 660, há o visual que não agrada a todos os gostos, e a concorrência: Pelo mesmo preço de R$ 33.000,00, dá para levar para casa uma BMW G650GS Sertão.

BMW G650GS

BMW G650GS 2012

BMW G650GS 2012


A BMW G650GS é a Trail que fez a Yamaha abaixar o preço da XT660R. É uma boa opção de moto para uso off-road básico e para viagens. Apesar de ter o motor monocilíndrico ligeiramente menor, ele é mais potente, desenvolvendo até 50 cv de potência.

O que chama a atenção, e na minha opinião é uma vantagem, é que a G650GS possui rodas de liga leve e pneus sem câmara, sendo de 19 polegadas na dianteira e 17 na traseira, o que torna ela uma excelente moto para uso urbano. Mesmo sacrificando um pouco suas capacidades off-road, as rodas encaram bem os terrenos acidentados. Basta ter cuidado.

Outra vantagem dela é o fato de possuir freios com ABS, que pode ser desligado caso necessário. O ABS é um acessório cada vez mais comum nas motos, e eu acho ótimo. Há também uma infinidade de acessórios originais de fábrica, como aquecedor de manoplas, tomada de 12V, cavalete central e protetor para as mãos.

Contra a G650GS está o fato da BMW não ter tantas concessionárias, o que limita suas vendas as cidades próximas das mesmas. A favor, está o preço do seguro, bem abaixo da média das outras motos.

BMW G650GS Sertão

BMW G 650 GS Sertão 2012

BMW G 650 GS Sertão 2012


A BMW G650GS Sertão tem grande parte do conjunto da G650GS “normal”, com a diferença de ter rodas raiadas aro 21 e 17 e suspensão de curso mais longo, tudo para deixa-la melhor para o uso off-road. Também fazem parte do pacote um parabrisa mais alto, protetor de motor e protetores de mão.

No mais, a moto é a mesma, com a mesma versatilidade e itens de manutenção da G650GS, e sofre os mesmo problema da capilaridade da rede autorizada. O preço dela será de R$ 32.890,00 em Janeiro, quando começará a ser vendida.

BMW F800GS

BMW F800GS

BMW F800GS


Seguindo com as motos da BMW, a F800GS é diferente das anteriores. A começar pelo motor bicilindrico de 80 cv, bem mais vigoroso do que o das outras motos do comparativo. É uma moto apta ao uso off-road pesado, e também para uso urbano e para viagens. Ou seja, ela é boa para tudo. Graças ao baixo peso, é uma das motos mais fáceis de guiar.

A favor da F800GS estão o computador de bordo, completíssimo, o ABS, o controle de tração e as manoplas aquecidas. É a moto mais completa dentre as citadas aqui.

É claro que isso tem um preço, e por isso ela é a mais cara do comparativo, custando R$ 42.900. Ela já foi mais cara! Já chegou a custar mais de R$ 50 mil, mas o preço caiu muito quando ela foi nacionalizada. Até fiquei na dúvida se seria ou não o caso de incluir a F800GS no comparativo, já que seu preço é bem mais alto do que o das demais motos, mas acabei decidindo incluir pois acho que ela não se enquadraria também no segmento das maxi-trails, que são maiores e tem valores superiores a R$ 50 mil.

Suzuki DL650 V-Strom

Suzuki V-Strom 650

Suzuki V-Strom 650


A V-Strom 650 é a aposta da J. Toledo. Apesar do modelo da Suzuki ter sido reestilizado lá fora, aqui no Brasil o modelo antigo ainda é vendido como novo.

A moto conta com motor bicilindrico em V de 650cc de 68 cavalos, que garante bom desempenho em viagens. O painel é completo e de fácil leitura, e o gigantesco tanque de 22 litros garante autonomia superior a 400 km.

As rodas de liga leve e os discos de freio flutuantes deixam claro que o lugar da V-Strom é o asfalto, mas os pneus mistos até encaram terra, desde que com cuidado, já que a moto é pesada.

Contra a V-Strom estão a concorrência, que apresenta opções mais interessantes por preço similar (R$ 32.900,00), a ausência de freios ABS (nem mesmo como opcional), e o fato de já sabermos que o modelo atual será substituído uma hora ou outra pelo modelo novo lançado lá fora.

Suzuki DL650 V-Strom 2012 (modelo novo)

Suzuki DL650 V-Strom 2012 (modelo novo)

A favor, há a rede de concessionárias, que é relativamente grande, e o valor do seguro, que costuma ficar bem em conta.

Kawasaki Versys 650

Kawasaki Versys 650 Tourer

Kawasaki Versys 650 Tourer


A Versys, na minha opinião, nem pode ser considerada uma big trail, já que não é tão big, nem tão trail. Mas isso não quer dizer que seja uma moto ruim! Trata-se de uma versão mais alta da ER-6n, com motor ligeiramente modificado para ficar mais comportado.

A Versys possui rodas de liga leve de 17 polegadas, e pneus de moto street, 100% para asfalto, o que a princípio invalida qualquer possibilidade de uso off-road. Mas com as suspensões um pouco mais altas e de curso maior, até dá para pensar em encarar pequenas trilhas. Bastando para tal ter cuidado.

Mesmo assim, a moto se apresenta como uma opção muito versátil para uso em viagens e uso urbano. Há a possibilidade de comprar versão Tourer, com malas laterais e acessórios para viagem originais por R$ 33.749,00, o que faz dela uma ótima opção. A versão normal sai por R$ 29.900,00 sem ABS e R$ 33.900,00 com ABS.

Contra a Versys, está o visual de gosto duvidoso, a baixíssima capacidade off-road e a pequena rede de concessionárias, que limita muito o seu mercado.

Tabela comparativa

Organizei uma pequena tabela com as principais especificações, para facilitar a comparação dos modelos.

Atributos
Cilindrada
Cilindros
Potência Máxima
Torque Máximo
Tanque de combustível
Freios
Comprimento
Largura
Altura
Distância entre eixos
Distância mínima do solo
Peso em ordem de marcha
Curso suspensão dianteira
Curso suspensão traseira
Altura do Assento
Preço sugerido
 
Yamaha XT660R Yamaha XT660Z Ténéré BMW G650GS BMW G650GS Sertão BMW F800GS Suzuki DL650 V-Strom Kawasaki Versys 650
660 cc 660 cc 652 cc 652 cc 798 cc 645 cc 649 cc
1 cilindro 1 cilindro 1 cilindro 1 cilindro 2 cilindros paralelos 2 cilindros em V a 90º 2 cilindros paralelos
48cv @ 6.000 RPM 48cv @ 6.000 RPM 50cv @ 6.500 RPM 50cv @ 6.500 RPM 84,48 cv @ 7.500 RPM 68 cv @ 8.800 RPM 64 cv @ 8.000 RPM
5,95 kgf.m @ 5.250 RPM 5,95 kgf.m @ 5.250 RPM 6,1 kgf.m @ 5.000 RPM 6,1 kgf.m @ 5.000 RPM 8,5 kgf.m @ 5.750 RPM 6,12 kgf.m @ 6.400 RPM 6,2 kgf.m @ 6.800 RPM
15 litros 23 litros 14 litros 14 litros 16 litros 22 litros 19 litros
Sem ABS Sem ABS ABS opcional ABS opcional ABS de série Sem ABS ABS Opcional
2.240 mm 2.246 mm 2.165 mm 2.185 mm 2.320 mm 2.290 mm 2.125 mm
845 mm 865 mm 920 mm 920 mm 945 mm 840 mm 840 mm
1.230 mm 1.477 mm 1.710 mm 1.770 mm 1.350 mm 1.390 mm 1.330 mm
1.505 mm 1.505 mm 1477 mm 1.484 mm 1.578 mm 1.555 mm 1.415 mm
210 mm 245 mm 185 mm 205 mm 261 mm 165 mm 180 mm
186 kg 206 kg 192 kg 193 kg 207 kg 216 kg 206 kg
225 mm 210 mm 170 mm 210 mm 230 mm 150 mm 150 mm
200 mm 200 mm 165 mm 210 mm 215 mm 150 mm 145 mm
865 mm 895 mm 780 mm 880 mm 850~880 mm 820 mm 845 mm
R$ 25.800 R$ 30.500 (STD)
R$ 33.000 (ABS)
R$ 29.890 R$ 32.890 R$ 42.900 R$ 32.900 R$ 29.900 (STD)
R$ 32.400 (ABS)

E ai? Que você achou do comparativo? Está pensando em comprar uma Bigtrail? Qual? Se tiver dúvidas, deixe um comentário!

Compartilhe este texto!


Digite o seu nome e e-mail abaixo e saiba quando o Motos Blog é atualizado! Receba as últimas notícias diretamente no seu e-mail! É GRÁTIS!

Seu nome
Seu E-mail