GravatarMotos Blog » Mecânica, Tutoriais

Comportamento dos motores – Parte 12 – Elétrica e Eletrônica


A parte elétrica da Motocicleta tem grande importância no funcionamento do motor, e nos tempos atuais, a eletrônica também tem grande destaque. Saiba como cada componente funciona a seguir.

Para um motor a combustão com ignição funcionar, é necessário uma quantidade considerável de energia elétrica, pois é ela que aciona as velas de ignição para gerar a faísca que detona o combustível a cada ciclo. Para esta faísca ser gerada, é preciso um pulso de mais de 20 mil volts. Considerando um motor que funciona a até, digamos, 10 mil RPM, e que há uma faísca a cada 2 voltas, então são 5000 faíscas em 60 segundos, ou 83 por segundo.

Vela de ignição

Vela de ignição


Para atender a uma demanda tão grande por energia, o motor precisa gerar sua própria eletricidade. Ele deve gerar energia suficiente para manter-se funcionando, e também para alimentar todos os outros sistemas elétricos da Moto, como farois, luzes de sinalização, CDI, Injeção Eletrônica, painel e tantos outros sistemas que você pode instalar, como alarmes, rastreadores, GPS, luzes auxiliares, e etc.

Para gerar sua própria energia, os motores são dotados de um estator, tal qual o “alternador” dos carros. É uma peça circular com algumas bobinas de cobre, que são montadas em um pequeno cilindro feito com dois grande imãs, chamado “magneto”. O eixo do motor é ligado ao magneto, e então quando o motor está funcionando, o magneto está girando, e desta forma, as bobinas geram energia elétrica.

Estator

Estator


A energia elétrica gerada não é constante e uniforme, pois afinal, quanto maior o RPM do motor, mais energia as bobinas irão gerar. Então, para regular a saída de energia do motor, uma peça se faz necessária: O retificador de voltagem. É um pequeno aparelho eletrônico, montado em uma caixa de alumínio com aletas de refrigeração, e que recebe a energia diretamente do motor, e regula ela de modo a nunca ultrapassar 14.7 Volts. Esta npeça é importante, pois os sistemas da moto são feitos para operar a 12 Volts, então um excesso muito grande pode danificar estes sistemas elétricos.
Retificador de voltagem

Retificador de voltagem


A saída do retificador de voltagem é ligada diretamente a bateria da moto. A Bateria tem um papel importante, pois ela alimenta os sistemas elétricos da moto enquanto o motor não está funcionando, e enquanto ele está funcionando, ela estabiliza a corrente de todos os sistemas, “absorvendo” o excesso de energia quando há excesso, e fornecendo energia adicional quando a produção de energia é baixa (pouco RPM).
Bateria de moto

Bateria de moto


Existem Motos que não tem bateria, como a CRF250R. Esta moto é dotada de injeção eletrônica e em teoria, precisaria de uma bateria para o funcionamento inicial. Mas a moto produz a própria energia e usa um moderno sistema de capacitores para garantir o fornecimento por curtos períodos de tempo quando a produção fica abaixo do normal. Eliminando assim a necessidade de uma bateria. A moto ficou 3 kg mais leve por isso.

Além de toda a parte elétrica da moto, há também muita eletrônica embarcada nas motos. Mesmo as motos de baixo custo possuem muitos recursos eletrônicos. A começar pelo CDI, já usado todos os modelos em produção a pelo menos 10 anos. Ele é o responsável por dar o comando para a bobina de ignição gerar um pulso elétrico para a vela de ignição, ou seja, ele é quem determina “quando” haverá uma faísca. Isso é importantíssimo pois o ponto de ignição é um dos grandes responsáveis pelo desempenho do motor (ou pela quebra dele). Antes do CDI, o comando de ignição era feito pelo platinado, uma peça que fica em contato direto com o eixo do motor. O eixo possui um contato metálico, e o platinado outro. Quando os dois se encostam, a bobina de ignição gera um pulso elétrico e então a vela produz uma faísca. O maior problema deste sistema é que a corrente que era transmitida por estes dois contatos é muito grande, e essas peças logo ficavam desgastadas, exigindo uma regulagem. Depois de um certo tempo de uso, não há mais regulagem e a peça precisa ser substituída. Além disso, o ponto de ignição era sempre constante, independente do RPM do motor. Com o CDI, foi possível programar pontos de ignição em momentos diferentes, dependendo do RPM do motor e de informações do sensor de acelerador (nas motos que possuem este sensor).

CDI

CDI


Outro componente eletrônico cada vez mais comum nas motos são os paineis. Antigamente, o velocímetro e o tacômetro eram comandados por cabos de aço que giravam dentro de conduítes. Além disso, eles serviam apenas para exibir informações. Hoje é muito comum que o tacometro funcione usando informações do CDI, e o velocímetro, usando informações de um sensor instalado na roda dianteira ou no pinhão do motor. São cada vez mais comuns também velocimetros em formato de display, onde em vez de um ponteiro, há algarismos numéricos para informar a velocidade, o odômetro e outras informações. Ponteiros de nível combustível também estão dando lugar a barras que indicam o status do tanque de combustível. O Painel da Ducati Multistrada 1200 é um grande display que contem todas estas informações e muitas outras. Hoje em dia os paineis também servem para mudar o comportamento dos motores, pois eles possuem botões que dão comandos ao computador central da moto, ativando diferentes mapas de alimentação, ativando ou desativando freios ABS, controle de tração e outros aspectos que interferem no comportamento do motor.
Painel Ducati Multistrada

Painel Ducati Multistrada


Mais recente é a adoção da Injeção eletrônica para substituir o carburador e o CDI. É um pequeno computador, que comanda a centelha e os bicos injetores de combustível.
Módulo de injeção

Módulo de injeção


E há alguns outros sistemas eletrônicos ainda mais interessantes. Por exemplo, a BMW S1000RR tem ABS, sistema eletrônico que detecta quando uma roda “travou” devido a uma freada e alivia a pressão nos freios, para manter o controle da moto. Tem também controle de tração, outro sistema eletrônico que detecta quando a roda traseira perdeu aderência devido a aceleração muito forte, e corta automaticamente a centelha do motor de modo a limitar a potência entregue a roda, retomando assim a aderência. Sensor de inclinação, que em conjunto com o controle de tração, antecipa a potência necessária para evitar que a roda traseira escorregue, e em conjunto com o ABS, antecipa a potência máxima que pode ser empregada nos freios para evitar que a moto escorregue em uma curva. Toda esta eletrônica embarcada faz com que a moto seja uma das esportivas mais fáceis de pilotar.
BMW S1000RR

BMW S1000RR


É interessante perceber como aspectos a eletrônica afeta tanto o desempenho como o comportamento dos motores.

Compartilhe este texto!


Digite o seu nome e e-mail abaixo e saiba quando o Motos Blog é atualizado! Receba as últimas notícias diretamente no seu e-mail! É GRÁTIS!

Seu nome
Seu E-mail

103 comentários

  1. Graziela disse:

    Bom dia, seu blog é muito legal (vários amigos meus veem), mas eu gostaria muuuuuitíssimo de saber como você fez para colocar o Feed no seu blo juntando as matérias + comentários e como você fez para que apenas seja necessário que a pessoa coloque o nome e o e-mail para receber todas as atualizações e novidades do seu blog??
    você poderia me ajudar?? obrigada…

    p.s.: envie seus comentários ou respostas via e-mail… obrigada!!!

    • Daniel Ribeiro disse:

      No blog http://www.escoladinheiro.com tem tudo isso Graziela. Dá uma lida lá.

      • vainer disse:

        Daniel to precisando de ajuda tenho uma rd 350 e ela ta cortando corrente eletrica o contagiro cai a zero e motor apaga quando a rotação chega aos 3000 giros ja experimentei isolar o contagiros o modulo do ypvs, esta com velas novas, verifiquei cabos, nada o sintoma permanece
        obs: ao voltar para a rotação de marcha lenta o motor volta a funcionar acima dos 3000 giros ela vai mas se nota uma pequena falha agradeço de puder da alguma dica.

        • rafael disse:

          Tambem tenho uma rd esse problema parece ser eletrico cdi,retificador algum terminal com mau contato ou enferrujaeo dai é melhor ter um multiteste e achar mas é algum desses valeu.

      • julio disse:

        ola amigo eu tive a infelicidade de enverter meus imas do volante do estator da minha moto stx. como devo fazer para asertar novamente os imas obrigado

  2. Piréx disse:

    A série “Comportamento dos motores” está 10, Daniel, mas esse da elétrica ficou bom demais. Eu paguei os pecados com o magneto e o retificador de uma Shadow 600: na verdade, foi quando fui apresentado na marra a esses dois elementos.

    Ontem ainda comentei (quando percebi que um dos fusíveis de reserva da Fat não estava no lugar) da importância de todos sabermos minimamente sobre as motos que usamos para não acabarmos empenhados na estrada por uma coisa boba ou explorados por um mau profissional.

    Grande abraço!

    • Daniel Ribeiro disse:

      É isso ai Piréx! A ideia é essa mesmo! Fazer o pessoal entender pelo menos o básico do funcionamento do motor. Obrigado pelo parabéns!

      Esse é o penultimo artigo. O último ainda precisa de uns ajustes, mas logo deve aparecer por aqui.

      T+!

  3. walter farias disse:

    FALA DANIEL ADORO SEU TEXTO MAIS DEIXA EU FAZER UM COMENTARIO. A PEÇA RETIFICADOR NA VERDADE NÃO SERVE PARA REGULAR A CORRENTE COMO SEU PROPRIO NOME DIZ SERVE PARA RETIFICAR A CORRENTE QUE NADA MAIS É DO QUE TRANSFORMAR A CORRENTE ALTERNADA EM CONTINUA POIS A BATERIA SO ACEITA CORRENTE CONTINUA E O (MAGNETO) NA VERDADE O ESTATOR SO GERA CORRENTE ALTERNADA DAÍ A NACESSIDADE DE UM RETIFICADOR. MAIS PARA GANHAR ESPAÇO AS FABRICAS DE MOTOCICLETAS COLOCAM NA MESMA CAIXA OS 2 COMPONENTES ENTÃO NA VERDADE O NOME DO COMPONENTE É REGULADOR-RETIFICADOR REGULADOR SERVE PARA REGULAR A CORRENTE E O RETIFICADOR PARA RETIFICAR. UM GARNDE ABRAÇO E FICA COM DEUS

    • antonio goulart disse:

      Walter
      Ola
      Você em vez de criticar os mecanicos de motos que nos ajudam, dando dicas de como funcionar uma moto.
      Voce poderia fazer oque eles estao fazendo nos ajudar nao nos atrapalhar com comentarios idiotas que nao tem nada a ver com a pratica mais sim com a tecnica e como todos sabemos a tecnica nao e a mesma coisa que a pratica.
      muito obrigado.
      MAIS QUE ME AJUDOU DE VERDADE FOI O DANIEL.

  4. walter farias disse:

    boa noite daniel vou fazer mais um comentario nas motos injetadas ja não se usa mais CDI que significa:ignição por descarga capacitiva o que se usa agora e o ECU que significa: unidade de controle eletronico. mais em certas regiões do pais chama por outros nomes como; central,centralina, porem CDI é outra peça usadas nas motos recentes mais que não tenham injeção eletronica.. espero não estar sendo chato um garnde abraço e adoro os seus textos fica com deus

    • Daniel Ribeiro disse:

      Valeu pelas explicações Walter. Vou ajustar o texto.

      • JOSÉ GILSON disse:

        Boa noite Daniel Ribeiro, estou com um problema em uma moto Dafra e gostaria de uma opinião sua, eu trabalho em uma oficina mecânica de motos concertando as mesmas, essa moto dafra que citei a vc já abri o motor dela três vezes, primeiro ela travou o motor e quebrou a biela e o pistão e trincou a camisa, segundo tb fez a mesma coisa e terceiro só não quebrou a biela e o pistão pq o proprietário dela não forçou a moto, mas riscou o pistaõ e a camisa, gostaria de saber de vc se isto é a cambota empenada ou rotor da bomda de óleo que não está mandando óleo suficiente para lubrificar a biela e pistao, o proprietário da oficina q trabalho com ele já levou essa cambota para trocar biela três vezes, será que esta retifica olhou se a cambota estava empenada, mas se não estiver pode se o rotor da bomba de óleo ou o orificio da cambota que esta osbristruido e não lubrifica o suficiente que precisa se lubrificado. fico muito grato se mim respoder… alpson2@hotmail.com

        • Daniel Ribeiro disse:

          José, não sei se ajuda… Mas se possível, devolva a moto ao cliente e não cobre pelo serviço… Se já cobrou, então devolva o dinheiro e se livre desse mico! Você vai consertar a moto 1000 vezes, e ela vai dar problema 1001 vezes. É impossível consertar essas motos da Dafra.

          T+

    • Breno Assumpção disse:

      Fala Walter!
      Ótima explicação amigo. Precisamos realmente ficar batendo nesta tecla de usar o nome correto para cada coisa. Um mecãnico que se diz profissional, não pode chamar uma ECU de CDI….é o fim da picada, já depõe contra o cara se ele falar errado.
      Nada a ver com o Daniel do blog aqui….eu disse mecânicos profissionais.

  5. Alberto disse:

    Muito boa essa série Comportamento dos Motores. A leitura dos textos é agradável, sem muitos termos técnicos pra não ficar cansativo de ler e difícil de entender para a maioria dos motociclistas.

  6. Renan disse:

    Nossa essa serie dos motores tah muito boa, Parabéns =D

  7. Edson Tonelli disse:

    Mais uma vez, parabéns pela objetividade da matéria e a facilidade do entendimento.

  8. ROK MARCIANO disse:

    DANIEL.. EU SOU MECÂNICO YAMAHA… GOSTEI MUITO DE LER AS INFORMAÇÃO DE MECÂNICA EN SEU BLOG..É MUITO ESPESIFICADO… MOSTRA OS COMPONENTES ELETRONICOS E SUAS FUNÇÃO.VC. SABE QUE INJEÇÃO ELETRONICA AINDA É NOVIDADE.. E NEM SEMPRE QUEM TA NO INTERIOR TEM A OPORTUNIDADE DE ATUALIZAR… MAIS COM SUAS MATÉRIAS NOS MECÂNICOS VAMOS FICAR MAIS ESCLARECIDOS… OBRIGADO…

  9. junior disse:

    ola boa tarde a todos só ressaltando sobre o platinado que a faisca é gerada quando os contatos se afastam e nao quando se encostam quando encostados avera um aterramento na bobina impedindo a igniçao.

  10. Anderson 44 disse:

    Você até teve boa vontade mas o seu testo não esta corréto,o regulador de voltagem não está na motocicleta apenas pela oxilação de rpm e sim para transformar corrente alternada em coerrente continua,nunca vc vai ver uma bateria ser carregada por corrente alternada para se carregar uma bateria se precisa de uma DDP.Qualquer duvida me procure estou pronto a ajudar.

    • Daniel Ribeiro disse:

      É isso ai.
      Só que texto se escreve com X, não com S.

      Mas obrigado pela correção.

      T+

    • vander disse:

      oi amigo. deu pra ver que vc entende um pouco de eletrica entao me ajudea resolver um problema estou trabalhando em uma shynerai e ela esta gerando de mais, esta gerando ate 42 volts, ja troquei retificador estatos magneto e nada. sera que poderia me dar um toque ?

      • Daniel Ribeiro disse:

        Vander, Shineray é um lixo… Não sei se tem conserto.

      • kafu motos disse:

        o teu problema pode ta no estator…ele quando vc compra do paralelo geralmente vem desconfigurado,,,esse modelo e para fechar o circuito no regulador se ela é tripolar vc desconectando os fiu que vem do magneto nao pode sair corrente em nenhun dos tres fiu…dai qualquer regulador tripolar vai funciona…o mais façil de vc instala é o da falcom..que sao tres fiu e o positivo e negativo nao tem erro

    • Vinícius disse:

      DDP quer dizer diferença de potencial que pode ser contínua ou alternada…

  11. Jun disse:

    Informações de grande validade pra um iniciante em 2rodas,apesar de estar no Japão onde existe uma grande variedade de motos!Aguardando novidades!Obrigado!

  12. jamir disse:

    Olá, eu tenho uma smart 125 dafra, levei um tombo e perdi o sensor de queda dela,como o original custava perto dos 400 reais, coloquei o da CEBÊr 300 da Bomba, ficou bom do mesmo jeito e me custou 30 pila novinho.da magnetron.

  13. odair slompo junior disse:

    só retificando a primeira parte sobre as velas de igniçao que diz que a faisca dada a cada duas voltas do motor isso nao é verdade porque a cada volta do motor é gerado um pulso sendo que nos motores de 4 tempos uma dessas faiscas e desperdiçada porque o motor vai encontrar se no terceiro ciclo que é o de escapamento ja diferente dos motores de 2 tempos que a cada volta tambem é gerado um pulso só que nesse tipo de motor toda vez que o pistao sobe é gerada uma esplosao por isso aparentam ter mais giro abraço a todo os colaboradores .

  14. vander disse:

    bom dia: será que alguem poderia me ajudar a resolver um problema em minha moto, ela esta geran do de mais, ja troquei retificador, estator, magneto e nada. vlw

  15. henrique disse:

    Olá, tenho uma nx350 sahara e não está carregando a bateria corretamente, se andar com as luzes apagadas ela carrega um pouco, como faço para testar o estator e/ou o regulador de voltagem?

    Obrigado.

  16. Albano Cesar disse:

    Daniel, boa noite !!

    Como posso testar o regulador de voltagem da suzuki srad 750 2004.

    E como testar o estator, também ??

    Grato,

  17. Helan disse:

    Meu amigo queria que esclarecesse uma duvida..
    tenho uma biz EX 2011 e coloqueii som nela entaO tenho uma bateria de 19Ah dentro do Bau e a da Moto 5Ah, posso ligar uma na outra..
    que o alternador vai Aguentar? no manual diz 0,136kW/5200rpm

    ou preciso trocar o retificador de voltagem e por um mais forte..
    me da uma solução.

    ObrigadO..

    • Daniel Ribeiro disse:

      Helan… não acho que você vai conseguir aumentar a capacidade de carga da Biz… Talvez seja melhor você carregar essa bateria extra de outra forma, e manter o sistema de som fora do sistema elétrico da moto.

  18. allanmoura disse:

    boa tarde daniel

    gostaria que vc tirasse uma duvida,tenho uma fan 125 ano 2007,ha pouco tempo ela nao desenvolve como antes ha uma dias atra ela chegava a 130,140 ai quando ela atingia essa velocidade ela começava a cortar isso em 140 depois começou cortar em 130,e agora quando chega em 120 ja começa a corta pensei de ser o cdi,troquei mas continuo do mesmo jeito troquei veka e mesmo assim ela continua cortando nessa velocidade estive pensando se poderia ser bobina de igniçao ou bobina de impulso pois ela nao chega ao seu limite e ja corta isso em todas as marchas pois antes ela chegava a 100km de terceira e agora quando chega em 85,90 ela ja corta ai gostaria que vc me imformasse o que poderia ser.
    desde ja um abraço.

  19. joseny luiz disse:

    Adquiri recentemente uma MOBILETE caloi já bem USADA. Gostaria de saber, e se possivel, mostrar o diagrama elétrico (basico e se tiver o de recarga adaptada) correspondente de motos de 2 tempos, tipo a o de mobilete. Sou tec. Telec. Trabalho com informatica no CEFET MG. Entendo um pouco de eletrica basica de motores automotivos tendo feito curso da boschi lá pelos idos de 1975. Tenho a pretensão de adicionar buzina seta e luz de freio,que não são originais na mobilete. Estou apanhando um pouco por que não tenho referencia dos circuitos de motos e semelhantes. Montei um pisca pisca com transistores e ele funcionou.Só que a corrente com o farol e farolete ligado não permite funcionar simultaneos.Reforcei os fios do chicote para melhorar a corrente. Não quero usar bateria, semelhante ao seu comentario sobre o peso reduzido da CRF 250 R por que tenho que subir varios degraus com a COISA todo dia. ME mande este CIRCUITO pois deve ser a minha solução. (a mobilete é para mim carregar minha filha para a escola,pois faço isso ainda de bicicleta … haja pernas !!! ) COMO SOU MARINHEIRO DE 1º VIAGEM,ainda vou ter que treinar andar na COISA para depois poder levar alguem de carona.Ainda vou adaptar o banco para 2 pessoasa. GOSTEI muito do seu blog. PARABENS !!!!!!!!

  20. LENIN SILVA SOARES disse:

    PARABENS …A MATERIA FICOU OTIMA, HAVIA TEMPO QUE EU ANDAVA PROCURANDO NA INTERNET E NAO ENCONTRAVA ALGO DESSE PORTE…

  21. marcelo disse:

    Gostaria de pedir uma ajuda,ja que tenho uma sahara 350 nx,e estou passando com um problema na parte eletrica dela,ja troquei a parte eletrica toda nova, bateria tbm ,vc carrega a bateria ela dura uns 20 dias e depois começa a ficar fraca ,ai vc aperta pra dar a partida ela fica dando um barulho assim tak tak ,e naõ pega ,ai e so dar carga na bateria ela volta a pergar , se puder me dar um luz agradeserei

    • Daniel Ribeiro disse:

      Amigo, se você já trocou a bateria, então só há mais duas possibilidades:
      Estator ou Retificador de voltagem.

      O ideal é você abrir a tampa esquerda do motor e olhar o estado do estator. Se você achar que está muito ruim, troca por um novo e vê se resolve o problema. Se não resolver, então só pode ser o retificador.

      • acassio mecanico disse:

        Só queria ressaltar um evento que acontece na geração de corrente alternada, o pessoal sempre diz que quando a moto não está carregando a bateria ou gerando a carga correta, se diz logo de cara que o problema pode ser o regulador/retificador de voltagem ou o estator, mais eu já me deparei com dois casos em que o volante magnético perdeu um pouco da ação magnética e não gerava a voltagem correta, isso acontece principalmente em motors com partida elétrica, é raro mas acontece, e se for o volante magnético que está com menos ação magnética, mesmo trocando a bateria, estator e retificador ou regulador de voltagem , a moto apresentará o mesmo problema, fiquem atentos a este evento porque quando o problema se encontra no volante magnético a alteração da carga é bem pequena (pra menos)mas essa diferença faz com que o regulador , retificador de voltagem não conssiga atuar corretamante. Espero ter ajudado.

        • marcus disse:

          Bom dia, tvz o problema da minha tornado seja esse, pois tinha uma 2001 que retirei a lampada original 35/35 e coloquei uma de 55/60 e não deu problema algum, hoje eu tenho uma tornado 2008 que fiz o mesmo procedimento, porem a bateria descarregou em 2 dias, fiz o teste por 3 vezes, ate troquei a bateria, mas nada, bateria descarrega em 2 dias. qual seria a solução para ter um melhor farol nessa moto? abraços a tds.

  22. miro cardoso disse:

    Boa tarde Daniel, quero saber porque quando ligo minha moto o faro fica com a luz forte e depois de andar alguns metros a luz fica fraquinha, obrigado

    • Daniel Ribeiro disse:

      Não tem a ver com a rotação do motor?
      Motor em marcha lenta o farol fica mais fraco, e com rotação mais alta o farol brilha mais?

  23. Rogerio disse:

    Tenho uma crf 250 r e gostaria de colocar um cooler( ventoinha) no radiador pois qdo vou usar a moto p fazer trilha, subir uns barrancos ela esquenta mto pois foi feita p motocros e tem q sempre estar c vento na cara. Se eu colocar um retificador de voltagem e uma bateria, o estator daria conta do recado ou tenho q troca-lo?
    Grato

  24. ramon disse:

    minha moto, fan 2010, nao queria ligar. troquei os fuziveis e ela voutou a funcionar, so que, farolete nao ligou nem o farol so ta dando seta para um lado o farol ta tao fraco que tem que chagar pertinho para ver. verifiquei outras pecas e lampadas. tbm nao era bateria ou melhor todas as peca de fora do motor eu olhei.

    qual seria o problema?

    no aguardo… obrigado

  25. rubens disse:

    tenho uma pop já troque a camisa , pistão e anéis, tambem troquei a vela,já verifiquei o cdi.E mesmo assim ela continua falhando, morrendo,desacelerando.Por favor me ajude

  26. RUBENS disse:

    TENHO UMA POP E QUANDO EU LIGO ELA ACELERA E DEPOIS ELA MORRE JA TROQUEI A VELA VERIFIQUIE O CDI A PARTE ELETRICA O QUE AINDA FALTA ME AJUDE OBRIGADO

  27. Elder disse:

    Boa noite!
    Estou tentando instalar um kit xenon h4-2 na minha fan 125 2007, até a parte da instalação tá tudo certo, só que quando eu ligo o farol a tensão da bateria cai bruscamente até a moto morrer. Já enrolei o estator coloquei retificador de strada 200, e nada!!!!!!

    Teria como vc me ajudar?

    obrigado!

  28. luis antonio disse:

    bom dia amigo,tenho uma fan injetada e até hoje não consegui estalar o painel da 150 esporte e deixar o conta-giro funcionar tem como fazer ele funcionar nas injetadas?como?

  29. Anderson disse:

    Tenho uma srad 750 08 e apresenta o problema no sistema da valvula de exaustão, quando liga a chave manda uma corrente de 12v para o acionador mas quando da partida cai para 1,5v, o mecanico falou que era o modulo, trocou mas apresenta o mesmo problema

  30. Paulo disse:

    Olá Daniel,

    Parabéns pelo seu blog, venho acompanhando a algum tempo e muito útil e bem elaborado.

  31. Thiago 93 disse:

    Boa tarde,
    Gostaria de tirar uma duvida, tenho uma pop 100 e uso xenon, se eu trocar o retificador de bateria dela por um da tornado, ela irá gerar mais energia? ou qual peça eu trocaria para ela gerar mais?

  32. pedro disse:

    tenho uma bro 150 2009 tro quei tudo que gera fais e nada de faisca eu so nao troquei o chicote e nem o volante do magneto sera que e um dos dois

  33. Vladimir disse:

    Amigo, parabéns, suas dicas são ótimas, estou montando a parte elétrica de uma Cagiva 900. Tenho uma duvida sobre os fios do regulador de voltagem. Existem três fios amarelos, um preto, um vermelho e um verde. Do motor saem dois fios uma de cada bobina, ocorre que vejo dois fios amarelos ligados, unidos na entrada do regulador, eu acho que esta errado, penso que teria que ter apenas um fio no local. Você pode me ajudar? Teria um esquema de ligação? Obrigado.

  34. mauricio disse:

    ola Daniel, e bom ter pessoas que conhecem e se interessam em dividir o conhecimento, parabens. Aproveitando da sua bondade gostaria de saber se pode me ajudar no seguinte : o cdi da minha shadow 600 deu uma fumaceada hoje pela manha, eu o retirei e abri a caixa e reparei que um dos componentes fritou, gostaria de saber se eu te enviar uma foto vc sabe me dizer qual é este componente e tbm se pode me dizer porque isso aconteceu. Sem mais, agradeço e aguardo resposta.

  35. djimes line disse:

    ola amigo muito bom seu blog parabens..
    Amigão me tira uma duvida, tenho uma fan ks 125 2011 e tive uma ideia de colocar uma mini bateria de 1 ou 2ah q sera usada só pelo alarme, sei q a bateria de fabrica da moto é de 5ah, a duvida é se o estator (original) tem condições de carregar as duas baterias sem efeitos colaterais…
    obrigado desde já pela atenção, e aguardo respostas.
    um abraço.

  36. claudemir lotelio disse:

    ola amigo eu tenho uma moto kasinski 150 e ela nao vai faisca na vela me dicero ke pode ser bobina sera ke qualker bobina da certo ou tem ke ser original dela

  37. Viviane disse:

    Boa tarde! Tenho uma fan 2007 fabricação, modelo 08.Está com 33000Km. Quando comprei da Bomba aqui da minha cidade tinha 23000km. Sempre troquei o óleo no tempo certo e agora que fiz a revisão o mecânico me disse que o barulho que eu constatei era da biela e que precisava trocar com urgência.Eu não entendo muito de mecânica, mas também não quero passar por desinformada…

  38. Ataildo disse:

    Olá boa tarde, primeiro gostaria de parabenizar pelo blog, é shoe de bola, parabens mesmo. Agora gostaria de uma dica, tenho uma biz 125ks que pega muito bem e quando anda que esquenta morre, se apaga, mas é so pedalar e pega novamente, anda mais um pouco e se apaga novamente. Já troquei filtro de combustivel, vela, e carburador coloquei todos novos, porém o problema continua. pode me ajudar, desde já agradeço.

    • Jone disse:

      Caro Ataildo, já vi isso antes, é a bobina geradora de corrente , quando ela esquenta, a corrente se perde em direção errada , troque-a , ou mande enrolar de novo.

      Abraço Jone

  39. carlos disse:

    Caros,
    tenho uma Sahara 1993 com apenas 23 mil rodados – sempre foi minha.
    Ela ficou sem bateria. Troquei a bateria e depois de rodar poucos quilometros a moto morreu. Não consigo fazê-la pegar. A luz de bateria, quando em ponto morto, ora fica intensa, ora fica fraca. Há alguma dica? É que estou no sertão e não há mecanico por perto.
    Grato,
    Carlos

  40. Gilberto disse:

    Olá Daniel, eu tenho uma DR 650 e quando ligo o motor (frio) após alguns segundos ela fica falhando (tum,tum tum…) e quando eu ligo o farol o problema para e ela funciona normal. Ultimamente ela apaga do nada mesmo andando, como se eu desligasse a chave, tornando perigosa a condução. Então ela demora para pegar novamente, fica girando o motor livre, como se estivesse sem a vela. o meu mecânico já verificou o chicote, o punho e nada. Será problema no estator, no CDI ou no regulador ? Valeu !

  41. Jone disse:

    Olá Carlos, parece ser a bateira, verifique se ela está boa de carga, e condição de uso, quantos anos ela tem ? Ou pode ser perda de energia na fiação.

  42. eduardo disse:

    ola daniel peguei um magneto na mão esses dias e notei que nas duas voltas tem o ressalto para a centelha da vela.como o cdi dispara so uma?ou ele dispara duas mesmo so que em outro tempo do motor?na hora de montar um cabecote duma cg 150 por exemplo posso por no ponto usando qualquer marca “t” do magneto?

  43. naldo disse:

    Mto bom parabéns!!!!!

  44. Djhonnathan Fernandes Formiga Dantas disse:

    olá Daniel, desculpe estar incomodando, eu tenho uma v-blade 250, comprei a pouco mais de uma ano e até agora não tinha dado nenhum problemas, a pouco mais de um més a bateria começou a descarregar, até ai tudo normal, ainda não troquei a bateria mas agora percebi outro problema a tenção que esta vindo para a bateria esta em 22volts em media, com uma corrente de até 7a. acho que o defeito esta no regulador, sera mesmo nele ou pode estar em outro lugar?

  45. Alisson disse:

    Gostei muito deste blog muito informativo e eficiente.

    Gostaria de saber como ligar um conta giro de dois fios que mede em mph em um motor 50 cc 4 tempos???
    desde ja agradecido por tudo.

  46. Marcos disse:

    Bom dia,

    Primeiramente parabens pela materia,agora sobre minha nessecidade:
    Tenho uma dt200 e gostaria de funcionar o ypvs sem bateria,até ja fiquei sabendo que a Yamaha fabricou algumas motos dt200 sem bateria para uso na trilha,exatamente o uso que vou fazer.
    Fico no aguardo do retorno,
    Grato

  47. silvio farias alves disse:

    Boa tarde, Daniel. Já tenho mais de 60 e comprei há 3 anos uma Mirage 250, para pequenos passeios. Tirei zero KM, mas a partir de certo tempo a moto começou a dar problema, pois parece que não produzia o suficiente para alimentar sua iluminação. Um mecânioco gtrocou por duas vezes, o regulador de voltagem, mas mesmo assim o problema persistiu e ele optou por subistituir a iluminação pela metade. Foi a única maneira. Será possível ? Tá certo que pouco uso a moto, até porque não tenho mais confiança. O que te parece ?. Um abraço.

  48. Marcos Baims disse:

    Prezado Daniel,

    Possuo uma Dr650SE ano 96, embora ache uma excelete moto, a mesma não possui tacômetro e seu painel é extremamente pobre, não condizendo com as características gerais da moto.
    Adquiri então um painel de uma Falcon, mas estou tendo dificuldade de ligar o tacometro, no mesmo vém 03 fios, Positivo (Preto),Terra (Branco e azul) e o que liga no CDI (Branco e laranja)Liguei na entrada da bobina e nada, estou com medo de ligar no CDI e queima-lo, visto que a moto não tem esta espera no CDI. Vc pode me dar uma ajuda nisso?
    Desde Já agradeço a atenção

  49. ANTONIO disse:

    ola amigo me desculpe pela pergunta que quero fazer amigo eu tenho uma lambreta ela é de platinado mas eu comprei um quites de meza e magueneto com c. d. i. como vou levar acorrente para o rigulador de voltagem ele so tem tres plugue dois juntos e um mais distante obrigado e ate a resposta muito obrigado

  50. Thiago Ferraz disse:

    Boa noite, eu quero colocar 2 ou 1 farol de milha na pop 100, porém gostaria de saber se eu colocar esses dois faróis mesmo que eles sejam da mesma voltagem 35W, na hora que eles ligarem vai diminuir a luz do farol principal?

  51. lico disse:

    olá Daniel,
    estou com um problema no meu retificador de bateria da shadow 600.
    a principio ele não carregava a bateria,depois queimou o fusivel do conector da solenóide, bom troquei coloquei um generico que queimou na mesma hora.
    a bateria descarregada pode ocasionar esse problema?
    obrigado e parabéns…

  52. Paulo disse:

    Amigo, a minha dúvida é o seguinte: não consigo ligar a moto ,ela é somente partida elétrica a qual funciona. Como devo proceder;
    1º movimentar a árvore de manivelas manualmente para que aja a combustão,
    ou , ao dar a partida a moto já deveria funcionar ;

    2ºa centelha da vela é a responsável por esse primeiro movimento dos
    pistões ? Desde já agradeço . Parabéns por este incrível Blog !

  53. Nicles miranda disse:

    Eu tenho uma moto prima 500 elétrica , ela não está carregando só funciona quando esta ligada na energia , gostaria de saber qual o problema e aonde eu posso concerta , moro em Belforde Roxo proximo

  54. UBIRACIR ANTONIO AMARAL disse:

    ola Daniel, gostaria de uma informação sua, tenho uma moto shineray xy 250 5,ela parou de funcionar após uma viagem,como sou meio curioso, notei que não vem faísca nas velas, e magneto não gira, mas acionando a
    patída elétrica gira a correia de aocílio do magneto mas não gira o mesmo qual será o problema, mecânico ou elétrico do estator.

  55. jaime disse:

    por favor diniel tenho dificuldade em fazer carregar a bateria da lambretta a bob de baixa é 6v preciso carregar a bateria 12v mas quando chega na parte do retificador que adapte um diodo pe cg 125 98não sei ligar. desde de ja agradeço abraço!

  56. Vogler disse:

    Boa Noite…
    Acho que estou com uma de minhas bobinas do estator queimadas ou ruins, tenho uma CEBÊ450 TR 87, e meu rebobinador e meio ruim, pra ñ dizer picareta.
    Então gostaria de saber c por acaso alguém tem as impêdancias (ohms) que devo medir na ponta do chicote e quais fios medir. Meu estator ainda e o original da moto, acho q fica mais fácil.
    Tenho receio de levar pra rebobinar e derrepente ñ haver nada nas bobinas, sei-lá!
    Vinha rodando normal na estrada a uns 130,140 quando ela começou a ratear, como to com a parte de combustivel ajustada, creio q estator, pois ela apresentou esse mesmo sintoma a um tempo atraz e era estator.
    Fico no aguardo…
    Muito Grato
    Vogler
    voglerf@ibest.com.br

  57. LUIS FERNANDO GAMA disse:

    EU COMPREI UMA KASINSKI MIRAGE 250 COM A ENGRENAGEM DE PARTIDA QUEBRADA, MANDEI TROCAR A PEÇA E DESCOBRI QUE OQUE OCASIONOU QUEBRA DA MESMA FOI O PONTO DO CDI ADIANTADO. SENDO QUE O MESMO É COM AVANÇO DIGITAL E UM DOS PISTÕES DEPENDENDO DO PONTO ONDE ESTAVA FICOU DANDO CONTRA NA HORA DA PARTIDA E ATÉ EM MARCHA LENTA SENTIA SE UMA PEQUENA VIBRAÇÃO NA MOTO TODA, OUTRA COISA QUE INDICOU O PROBLEMA NO CDI FOI QUE O TACÔMETRO ESTAVA MARCANDO A MAIS QUANDO EU ESTAVA COM ROTAÇÕES ABAIXO DE 6000RPM, APÓS ESSA ROTAÇÃO ELE CAIA E MARCAVA NORMAL.ENCOMENDEI UM CDI DA SERVITEC. FICA A DICA

  58. wellington Luciano disse:

    ola , gostei muito do seu blog , amigo moro no japao e tenho uma CEBÊr 1000rr 2004, ultimamente quando eu acendo a luz alta o motor desliga, e a partida esta bem fraca, ja troquei a bateria no começo fica bom mais depois de um tempo tenho que recarregá-la, vc poderia me dar uma dica onde olhar? os mecanicos japoneses sao muito ruim !! caso possa me ajudar!! arigato!!

  59. ANTONIO disse:

    Gostaria que me informace como como ligar o magneto com cdi da lambreta LI?.

  60. luis eduardo disse:

    Olá meu amigo! Parabéns pela a matéria abordada! Então gostaria de tirar uma dúvida com os colegas. Tenho uma zx6r 2011, porém sou o segundo dona da motocicleta, minha moto está com o problema de falha elétrica, acabei levando a oficina da própria Kawasaki e quando fui comunicado que o problema da moto seria o regulador de voltagem, problema que seria solucionado por se tratar de um RECALL que foi divulgado aos clientes no ano passado.Porém o mecânico condenou junto com o regulador de voltagem o ESTATOR, peça que na qual o mesmo diz estar com problema, mesmo eu sendo leigo na parte elétrica imagino como na sua abordagem que uma está ligada a outra! Gostaria de esclarecimentos se com o problema do regulador de voltagem teria como tecnicamente vir a causar um problema no ESTATOR? Entendo que por se tratar de RECALL e pelo o consumidor se o hipossuficiente na relação de consumo deveria a KAWASAKI regularizar todo o problema, correto? Não estou questionando outra peça que não tem nada com a parte elétric e sim duas peças que são ligadas! Me ajude na parte técnica, o regulador estando ruim poderá queimar o estator??? forte abraço.

  61. Júlio António disse:

    Voçê falou, que algumas motos não têm bateria, mas usam capacitores para alimentar o sistema elétrico, é possível usar fusíveis no sistema elétrico duma 50cc, e capacitores para substituir a falta de energia, e até um retificador superior a 14,5 V, para suportar a superior RPM da minha scooter, porque tenho um sistema defécitário no suporte elétrico do farol da minha scooter ?

  62. Robson disse:

    Boa noite Daniel, estou com com problema na minha Shadow 600, os fios que saem do estator estão esquentando aponto de derreter as capinhas de plástico, medi a voltagem dos mesmos está gerando entre 57 e 58 a 5000rpm, medi também a voltagem do retificador está entre 13,5, o mais curioso que fui ver a bateria e ela estava seca(sem solução) se puder me ajudar agradeço.

  63. fernando disse:

    tenho umaBomba ml coloquei um motor ohc da nx 150 funcionou bem mas parou de dar faisca na vela… o que pode ser?

  64. Felipe disse:

    Salve Salve Galerinha, é o seguinte, tenho uma fan 125 que eu vendi e depois peguei de novo, só que o mano me devolveu fumando, ele disse que ja havia feito o motor e continuava fumando, não acredito muito, mais em todo caso, vou mandar fazer de novo para ver se para, não sei muito de preço se alguem tiver uma noção, ou uma opnião a respeito de moto fumaçando é um sinal pra se fazer o motor, porque to sem grana!
    Se alguem poder me ajudar a ver se é isso mesmo’

  65. luciano antunes disse:

    boa noite to com um problema aqui minha moto deixou de carregar a bateria sera que pode ser so o retificador queimado pq meses atras coloquei uma lampada mais forte no farol a original era 35/35 e coloquei uma 55/60 wats e hoje pifou tudo acabou a bateria e medi com multimetro e nao ta mandando carga p bateria minha moto e uma fazer 250 ano 2008 grato se alguem puder me responder meu email e esse ai .

  66. Luiz antonio disse:

    Ola meu nome e (luiz antonio) tenho uma Bomba jog50cc,a partida eletrica dela
    Fez um barulho estranho e parou de funcionar,agr ela so funciona a partida no
    Pedal e quando eu paro em algum lugar ela me desliga sozinha essa lazarenta
    E eu tenho q ficar acelerando se nao ela morre.oq eu faco me ajuda ae por favor

  67. Rosemaire Oliveira disse:

    Blog 100% informativo, parabéns Daniel.Moro em Marabá no Pará, tenho uma bis C100 Bomba com partida, uso ela todos os dias, porém muito pouco, a bateria fica mais descarregada, mecânicos dizem que é por esse motivo. E ultimamente farol fica apaga e acende constantemente, já levei em varias oficinas trocam lâmpadas verificam parte elétrica e o problema persiste, o que pode ser? Fico no aguardo. Abraço

  68. wellington da silva disse:

    Boa noite amigo,eu tenho uma speed 150 dafra ultimamente venho tendo dificuldades para liga tanto na partida,quanto na pedicula.socorro vcs podem me ajudar?aqui na minha regiao ninguem descobre o defeito.ja troquei,estator retificador vela bobina e de ingniçao.e nada.o que devo faser.?tocar fogo nela?por que so e o que falta faser.agradeço qualquer ajuda.e do mais estou aguardando.

  69. jaimiel disse:

    boa noite Daniel. Tenho uma titan 150, fico com a puga atraz da orelha, ela fica com o farol fraco, acelero ai q clareia mais. ja testei a voltagen q vai para o farol e da 6 volts na tensao alternada, isso na lenta, ela acelerada da uns 9 volts. O que pode ser? Voce pode me ajudar? Agradeço.

  70. claudinei disse:

    ola daniel ,minha titan 125 kse es com defeito na parte eletrica.
    ela fundiona tudo ,mia quando ligo o farol ela descarrega a bateria
    e o painel esta acendendo quando freio ,medmo com o farol apagado ela acende o painel
    oq fazer ?me da uma dica ai por favor valeu…abraços

  71. fabio catai disse:

    Daniel, boa noite, tenho husqvarna te 450 2004 e esta virando questao de hora acertar a partida eletrica, pois tenho problemas com partida em trilhas fechada quando a moto aquece a mesma fica negando partida ja coloquei retificador original,enrolei bobina, coloquei bateria de 7 amp, troca de vela, revisei o ponto até mesmo destachei o cilindro, mais quando pego trilha fechada que aquece nao ferve parece que trava tudo la dentro e nao tenho mais a partida ai só transferencia de energia. será que o cdi tem a ver???? fico no aguardo. grande abraço.

  72. Pedro Rocha disse:

    Prezado Daniel,

    Tenho uma Comet 25o, injetada, 2011 e algumas vezes na reduzida, quase parando, ela desliga. Pesquisei e li que pode ser a borboleta, que prtecisa de ajustes. Você tem informação sobre isso ?

    Abraço e obrigado.

  73. paulo cesar do couto disse:

    gostaria de saber se existe algum retificador/regulador que se adpte em substituição ao original, numa harley davidson road king classic 2010.

  74. silvio costa disse:

    ola pessoal,

    eu tenho uma zx6r 2011 e a luz q acende pra troca de marcha ta acendendo cm 16 mil giros entao tentei muudar e so muda p 20 ou 16 mil alguem sabe dizer como mudar pra 14 mil ?

  75. dene disse:

    ola galera estou a procura do desmutiplicador da v-blaide a meses e nao eencotro se alguem souber quem tem me avise oude outra moto que de certo,mande noticias pelo meu email:adenilson.francisquinho@hotmail.com valeu,

  76. elisa disse:

    ola, tenho uma srad 750 e estava funcionado e derrepente ela apagou e não liga mais , não é bateria, Daniel o que seria????



  77. Comente este texto!

    ATENÇÃO: Todos os comentários são revisados antes de entrar no ar. Antes de escrever, pense: "Se eu fosse o dono deste blog, eu aprovaria este comentário?". Propagandas serão apagadas. Caso queira anunciar no Motos Blog, clique aqui. Veja a nossa política de comentários. Pedidos de manuais não serão atendidos.

    Você pode usar estas tags:
    <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

    Este blog suporta Gravatars. Para ter a sua foto nos comentários, cadastre-se no Gravatar.